Manjerico

/ 2013 leituras
Luminoso nome, cheira a madrugada. Texto de Francisco Duarte Mangas e ilustração de Renata Carneiro.

Alecrim

/ 1738 leituras
O paraíso das joaninhas é, assim, aromático. Texto de Fra...

Cerejeira

/ 1459 leituras
Texto de Francisco Duarte Mangas e ilustração de Renata Carneiro.

Maio

/ 1257 leituras
A paixão das rãs incendeia a tarde. Texto de Francisc...

Alfazema

/ 1196 leituras
Texto de Francisco Duarte Mangas e ilustração de Renata Carneiro.

Jasmim

/ 887 leituras
Pronome pessoal bem cheiroso. Texto de Francisco Duar...

Primavera

/ 1483 leituras
Texto de Francisco Duarte Mangas e ilustração de Renata Carneiro

Nuvem

/ 1298 leituras
Comovido querubim não sabe conter a tristeza Texto de Fr...

Limão

/ 1440 leituras
Tem irmã, bem mais divertida. Ele é um cavalheiro amargo. T...

Dezembro

/ 290 leituras
Cão velho deitado no primeiro sol brilha felicidade no pe...

Inverno

/ 1474 leituras
No breve vocabulário da infância pode ser palavra branca o...

Castanheiro

/ 451 leituras
Texto de Francisco Duarte Mangas

Tangerineira

/ 382 leituras
Texto e ilustração de Francisco Duarte Mangas

Lobo

/ 261 leituras
O solidário: conta histórias felizes aos cordeirinhos. ...

Deservagem

/ 298 leituras
Daninha forma de extermínio Texto e ilustração de Fr...