Altura

/ 87 leituras
Medida dos terraços do olhar ao chão das águas do mar. SOBRE O POETA: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da Fé. Por ora vive em Paredes. Com formação ini...

Souto

/ 138 leituras
Passagem de velhos patriarcas na paisagem de Inverno, clareira de sombras altas de Outubro, fruto castanho em ninho eriçado de coração triplo. SOBRE O POETA: Óscar Possacos (1962)...

Vila Nova de Foz Côa

/ 144 leituras
Estuário do tempo com troar de silêncios de gravura. SOBRE O POETA: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da Fé. Por ora vive em Paredes. Com formação inici...

Outeiro

/ 223 leituras
O tempo à espera do tempo curvo na alvenaria do tempo, à espera  que o planalto desponte do outro lado do cabeço ou morro. SOBRE O POETA: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendi...

Viadores

/ 304 leituras
(em dois quadros) Na vidraça há alguém à chuva na estrada. Na vidraça há só chuva e frio na estrada. (Calma, é só a deslocação do ponto de observação ou de alguém ao frio na estrada). Texto de Óscar Possacos e ilustração de Alexandre Morais.

Serra de Bornes

/ 343 leituras
Entre matéria e antimatéria o desfibrilhar da vida. Texto de Óscar Possacos e ilustração de Alexandre Morais. SOBRE O POETA: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, ...

Seixo

/ 304 leituras
Essa forma pétrea no rolar plástico dos lugares. Texto de Óscar Possacos e ilustração de Alexandre Morais. SOBRE O POETA: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alf...

Rio Ovelha

/ 341 leituras
Rês tresmalhada da sede. Texto de Óscar Possacos e ilustração de Alexandre Morais SOBRE O AUTOR: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da Fé. Por ora vive...

Gralhas

/ 298 leituras
Quando aves, em terrenos de duas folhas no voo ou em pousio ou na lavragem das páginas. SOBRE O AUTOR: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da Fé. Por or...

Rio Homem

/ 252 leituras
É. (entidade em nome próprio) SOBRE O AUTOR: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da Fé. Por ora vive em Paredes. Com formação inicial em arquitetura exe...

Freixo

/ 236 leituras
que o vento toca com maestria. SOBRE O AUTOR: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da Fé. Por ora vive em Paredes. Com formação inicial em arquitetura exerc...

Rio Vez

/ 279 leituras
No seu tempo as mãos despejam as linhas e os dedos no braço bravo que se estira até ao desbaste do ombro no Lima. SOBRE O AUTOR: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Rib...

Vila Flor

/ 269 leituras
Ponto de vista da cor, da cor do aroma. Cálice vegetal na deriva da pétala, planta de pátio, povoação rizoma. SOBRE O AUTOR: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira...

Rio Ave

/ 252 leituras
Também voa nas nuvens, na eterna transumância de retorno às nascentes, aos ventres da cabreira. SOBRE O AUTOR: Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da ...

Tabuleta Digital

Sete Perguntas

Vai no Batalha

Marco Martins (1978)

Considerando o pedido de vários colegas presidentes de Câmara, incluindo do próprio presidente da AMP, deixo a decisão de demissão para o coletivo na próxima reunião do Conselho Metropolitano, desde que me sejam dadas condições e carta-branca para trabalhar.

Rua da Estrada dos tempos que correm

NÃO ao rouvo" é uma expressão de correctíssima grafia segundo isso a que chamam o acordo ortográfico, que preconiza, entre outras coisas, que as palavras se devem escrever tal como são pronunciadas. Aqui trocam-se os bb pelos vv, como se sabe. O mais difícil de engolir não é isso. O mais difícil de engolir é este assado em que estamos metidos e que está bastante bem ilustrado na instalação exposta à beira da estrada: ainda há pouco tínhamos posses para ter um carrito com tudo a que tem direito, rodas, capota, assentos, motor, travões e o mais que é costume, e agora estamos reduzidos a um assen...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 714 leituras
O mar alto mede quanto?